Júlio Moreira
Poesias, inspirações e vozes interiores
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
Poema solto
Abre os braços. Balança os braços
Grita! Liberta as energias
Sente o entorno. Aceita o que existe

Deixa a palavra sair
Do jeito que tiver de ser
Deixa a lógica pra depois

Olha pra essas imagens aí dentro
Escreve, cria, coloca o que você tem
Esse já é o poema

Confuso ou claro, reto ou torto
Ele é o que você é
E não pode ser outra coisa
Jumo
Enviado por Jumo em 05/06/2020
Comentários
Na Beira do Rio R$30,00
Violência contra migrantes no México R$30,00
Marxismo, Direito e Relações Internacionais R$47,50
Direito Internacional – para uma crítica marx... R$40,00
Direito & Cidadania R$30,00
Planes geoestratégicos, securitización y resi... R$1,00
Caderno Latino-Americano. Inspirações das aul... R$1,00
Teoría crítica y derecho contemporáneo R$40,00
Tráfico internacional de pessoas e outros trâ... R$40,00
contato@julio.prosaeverso.net
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links